Terça-feira, 18 de Outubro de 2011

O negreiro de lusitanos

 

O comentário do presidente do "Concelho para a promoção da Industrialização”, Francisco Van Zeller, é elucidativo da burguesia empresarial portuguesa que paralisa o crescimento económico português desde que o homem inventou a fábrica.  

Se o seu apelido não lhe cheirar a bacalhau é porque o muy nobre Van Zeller é um português de adopção que se sabe de linhagem directa com um comerciante holandês do século XVIII e uma Alemã de pedigree.

 

Afortunadamente o esperma ariano é tão certeiro que todos os homens da família conseguiram continuar de direito a vencer todas as barreiras da meritocracia pela sua especial qualidade através, com grande casualidade, da empresa familiar ligada ao sector da metalurgia.

Para Zeller Portugal deveria poder exportar como a Bélgica mas não com o mesmo salário! 1415 Euros de salário mínimo não é impedimento para uma exportação dinâmica para um germânico mas é uma utopia para o pelo grosso de um mono ibérico. Esse com os seus 475 euros ganha demasiado e precisaria de perder mais uns meses da sua poupança governamentalmente induzida para desenvolver a exportação do seu povo primata.

 

Felizmente há em Portugal visionários para mostrar-nos a direcção. A salvação da economia nacional passa pela diminuição dos custos, os únicos capazes de evitar a falência ao babuíno aristocrático empresarial português.

Casos de sucesso como estes fazem-nos querer mais visionários e sonhar com uma Troika nacionalizada, de chicote na mão, a endireitar os anões de bigode pelos séculos dos séculos. Se os liliputianos dos arrozais conseguem há esperança no português.



publicado por Mrego às 20:24
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

.Maio 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Tribunal censura denúncia...

. O desafio de Ser (Dia da ...

. Greve

. Cassandra

. Eleftheria i thanatos (Gr...

.

. Perder a face (até perder...

. O preço da blasfémia

. Pedreiros e privilégios

. Profetas adormecidos

.arquivos

. Maio 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

.Os outros

O Arrastão
blogs SAPO

.subscrever feeds